Atente-se: você tem 30 dias para entregar sua Declaração de Renda de 2022

desafio 30 dias

Entregar a Declaração de Renda de 2022, ano-base 2021, em 29 de abril é impreterível a todo contribuinte brasileiro. Assim, é necessário ter em mãos todas as informações e comprovantes, para não deixar nada de fora do IRPF.

Conforme alerta o Diretor Operacional da Fortus Group, o contador Evanir Aguiar dos Santos, o governo possui mecanismos muito avançados para o cruzamento de informações prestadas pelo contribuinte com as prestadas por outras pessoas, como por exemplo, despesas médicas, as quais as empresas de saúde informam ao fisco na Demed (Declaração de Serviços Médicos e de Saúde) o valor pago pelo contribuinte. “Por isso, para evitar problemas posteriores o mais importante é ter toda a documentação oficial, sejam declarações de rendimentos, informações bancárias, recibos devidamente preenchidos em nome do contribuinte, para não se correr o risco de informar algum dado que possa ser diferente do que outras pessoas informem”, evidencia.

A variação patrimonial também deverá ser levada em consideração, explica Aguiar. “Um dos critérios para que a pessoa caia em malha fiscal é uma variação patrimonial não condizente com seus rendimentos. Não necessariamente uma omissão de receita ocorre por má fé, mas pode ser causada por algum esquecimento. Como exemplo podemos citar doações recebidas, que influenciaram no aumento do patrimônio ou redução de dívidas, mas que não foi declarado pelo doador e pelo recebedor, entre tantos outros”, salienta. Desta forma, o contador enfatiza que havendo dúvidas no preenchimento da declaração, é aconselhável que o contribuinte procure um profissional experiente para auxiliá-lo na confecção de sua Declaração de Renda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.